Seguidores

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Se um dia leres isso... vais saber que é para ti.

7h da manhã. 
O dia amanheceu cinza, como será meus dias daqui para frente 
 - SEMPRE...de novo.
 E cinza eu também estou - por dentro. 
Não sei ao certo se são saudades antecipada, uma leve tristeza... 
mas estou apreensiva, mesmo, calada.
 Todos perceberam isso hoje em mim. 
O motivo, creio eu, seja um só. 
Daqui há pouco, na virada do dia,estarei viajando 
e nós vamos ficar uns meses longe um da outro. 
Confesso que desaprendi a sentir saudades,
queria muito estar presente nos momentos
 mais importantes do de seu dia-a-dia, como sempre estavamos,
 nem estava nos meus planos ficar longe, 
mas eu não poderia deixar ir. 
Acho que deve ser isso, essa sensação estranha de vazio: 
é saudade antecipada. Sei que o melhor é 
não pensar muito no assunto mas não dá, então, 
que seja! Saudades também é pra ser vivida, né?
.
Estou indo para Coyhaique, 
olha o mapa ai, FIM DO MUNDO.
De todo não estarei só, estarei apenas com um pedaço à menos.
 Sei que tu também deve estar sentindo o mesmo.
 Queria conseguir não pensar na momentânea despedida 
até chegar a hora do embarque. 
Eu vou, e voce fica... 
quando voltar faremos a festa... 
nessa nossa louca forma de amar e viver,
 partir e chegar são apenas dois extremos da nossa história -
 hora ela hora eu... só quem fica é mesmo a saudade.
 Que tu nunca esqueça, por nenhum segundo,
 que eu estarei aqui esperando tambem um email.
 Não poderei estar fisicamente mas estarei contigo
 em cada palpitação de seu coração, 
em cada vez que ligar teu computador, 
em cada msn, email que tu receber aí ... 
Tu nunca estará sozinho, ok? 
Te amo muito! 
Vou, e volto, com Deus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário